Reflexões de Fidel »

A canção de Obama

A canção de Obama

p>O Presidente dos Estados Unidos ao concluir a Cúpula do G-20, em uma conferência às 14h30, hora de Cuba, declarou que em seu país o desemprego atingiu seu nível máximo em 26 anos. Perante crises como esta, acontecidas no passado, o mundo não agiu com a rapidez necessária, disse. Hoje temos aprendido as lições da

Reflexões de Fidel »

O início da Cimeira

O início da Cimeira

Hoje começou a Reunião Cimeira do G-20. Os especialistas em temas econômicos têm realizado um esforço enorme. Alguns com experiência em importantes cargos internacionais; outros, como estudiosos investigadores. O assunto é complexo, a linguagem é nova e exige a familiarização com os termos, os dados econômicos, os organismos internacionais e os líderes políticos mais influentes

Reflexões de Fidel »

Outro grande problema do mundo atual

Outro grande problema do mundo atual

A crise financeira não é o único problema, há outro pior porque tem a ver não com o modo de produção e distribuição, mas com a própria existência. Refiro-me à mudança climática. Ambos estão presentes e serão discutidos simultaneamente.

Reflexões de Fidel »

Aquilo que Notimex não disse

Aquilo que Notimex não disse

“A operação Milagre devolveu ou melhorou a visão, a partir do ano 2006, a 19 mil 496 peruanos, 16 mil 907 no Centro Oftalmológico de Cuba na Bolívia e 2 mil 589 no Centro Oftalmológico de Cuba no Cuzco que iniciou os trabalhos no dia 15 de dezembro do ano 2008.

Reflexões de Fidel »

O PRELÚDIO

O PRELÚDIO

Mais de 180 países do mundo não estarão presentes na reunião de Londres. Não é por acaso que se afirma que ali só estarão os representantes das 20 maiores economias do mundo. Não obstante, entre elas existem contradições profundas, tanto dentro dos próprios países ocidentais quanto entre estes e os emergentes, que levam a cabo a batalha contra a crise financeira a favor de seu direito ao desenvolvimento.

Reflexões de Fidel »

A China nas notícias internacionais

A China nas notícias internacionais

Da reflexão tomada de CubaDebate publicada em nossa imprensa na segunda-feira 30, titulada: “A China, a futura grande potência econômica”, a maioria dos telexes internacionais informaram apenas o relativo às minhas críticas às declarações de Biden, em Viña del Mar. Só EFE dedicou umas linhas no final de seu despacho, ao tema principal do artigo. Reconhecer o crescente papel da China na economia mundial resulta um gole amargo para Ocidente.

Reflexões de Fidel »

A China, a futura grande potência econômica

A China, a futura grande potência econômica

“Os fatos são evidentes e demonstram que comparativamente com outras economias importantes, o governo chinês tem adotado medidas políticas pontuais, firmes e eficazes, demonstrando a vantagem de seu sistema…”

Reflexões de Fidel »

A MENTIRA AO SERVIÇO DO IMPÉRIO

A MENTIRA AO SERVIÇO DO IMPÉRIO

Mais claro nem a água: as idéias do velho império espanhol em muletas, tentando ajudar o corrupto, cambaleante e genocida império ianque.

Nada aprenderam, nem a superpotência Estados Unidos nem a minipotência espanhola a respeito da heróica resistência de Cuba ao longo de mais de meio século.

Reflexões de Fidel »

Tudo estava dito

Tudo estava dito

Ontem à noite teve lugar a grande final do Clássico entre os colossos asiáticos. A equipa dos Estados Unidos estava ausente. As multinacionais que exploram o desporto não perderam nada e ganharam muito. O povo norte-americano se lamenta.

Reflexões de Fidel »

Os fatos dão-me a razão

Os fatos dão-me a razão

Muito duro será o caminho para conseguir restabelecer novamente a primazia de Cuba nessa actividade desportiva, onde o patriotismo, o orgulho nacional e nossa luta em favor do desporto sadio e educativo atingiu as mais altas cimeiras.
Muitas são as lições que devemos tirar do último Clássico.