Artigos de Estados Unidos

Notícias »

A dupla moral do império

Cuba Cruceros

A nova escalada agressiva do governo dos Estados Unidos em relação a Cuba constitui mais uma reviravolta no bloqueio criminoso econômico, comercial e financeiro contra a Ilha maior das Antilhas, e seus efeitos, sentidos em toda a população cubana, prejudicam um setor da sociedade ao qual o império hipocritamente proclamou seu interesse em favorecer: os trabalhadores independentes.

Notícias »

Do lado daqueles que amam e fundam

bamdera cubana

Enquanto a recusa internacional às novas sanções unilaterais dos Estados Unidos contra Cuba cresce, efetivadas em 5 de junho, estas já coletam seus primeiros balanços. Três das quatro empresas norte-americanas que até esta quarta-feira estavam operando na Ilha, começaram a se retirar ou pedir desculpas a seus usuários por mudanças ou ajustes em seus itinerários

Notícias »

Linhas de mensagens sobre a Lei Helms-Burton

cartel HB

Informação relacionada: Em 12 de Março de 1996, o presidente dos Estados Unidos da América, William Clinton, assinou a Lei Pública Nº. 104-114, “Lei para a liberdade e a solidariedade democráticas cubanas (Lei Liberdade) de 1996”, conhecida popularmente como Helms-Burton, pelo nome dos seus patrocinadores republicanos: o senador de Carolina do Norte, Jesse Helms e o representante por Indiana, Dan Burton.

Notícias »

Não serão capazes de nos parar: vamos viver e vamos vencer

Medidas TRUMP CUBA

A agressividade da administração Trump contra o nosso país parece não ter fim. Às sanções já anunciadas em 17 de abril e à ativação do Título III da Lei Helms-Burton, na terça-feira somou-se a decisão do Departamento do Tesouro de não permitir as viagens culturais e educacionais de contato com o povo cubano, mais conhecidas como «people to people», e outras relacionadas aos serviços de viagem e transporte, remessas, bancos, negócios e telecomunicações, entre outros.

Notícias »

Contra a Helms-Burton: todas as vozes, todas

cartel Helms Burton

MAIS de 400 personalidades do mundo denunciaram em um pronunciamento internacional a ativação do Título III da Lei Helms-Burton, dos Estados Unidos contra Cuba.

Notícias »

Crianças vítimas do mesmo vitimizador

Niños

O menino venezuelano Geovanny e o iraquiano Qasim nunca se encontraram. O primeiro, de seis anos, teve seu pequeno coração paralisado enquanto esperava por um transplante de medula óssea em um hospital italiano, por meio de um acordo com a empresa estatal venezuelana PDVSA, mas Donald Trump ordenou que fosse bloqueado o dinheiro da nação bolivariana nos bancos europeus e o menino morreu sem saber por que sancionaram seu país.

Notícias »

Prosur com ventos do Norte

Trumnp titere

FRUSTRADOS, talvez, pelos fracassos em seu plano contra a Venezuela e por não conseguirem os resultados exigidos pelo governo de Donald Trump, vários líderes, representantes da direita e da extrema direita da América do Sul, acabam de assinar um documento para criar o que chamaram Fórum para o Desenvolvimento da América do Sul (Prosur).

Notícias »

A agressão contra a Venezuela deve parar

banderas cuba Venezuela

O Governo Revolucionário da República de Cuba condena e rejeita fortemente a tentativa de impor, através de um golpe, um governo fantoche que serve aos Estados Unidos na República Bolivariana da Venezuela, e manifesta a sua solidariedade para com o Governo constitucional do presidente constitucional Nicolás Maduro Moros.

Notícias »

Venezuela rompe relações diplomáticas com os Estados Unidos

Venezuela

«Nosso apoio e solidariedade ao presidente Nicolas Maduro contra as tentativas imperialistas para desacreditar e desestabilizar a Revolução Bolivariana» disse o presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, perante a interferência do governo dos Estados Unidos que pretende instalar um governo fantoche na Venezuela.

Notícias »

Cuba: mais próxima do mundo em 2018, apesar da hostilidade dos EUA

Cuba vs EEUU

Em meio a uma escalada estadunidense para isolar Cuba, a ilha esteve em 2018 na mira do mundo, exemplo do qual foi a chegada aqui de altos funcionários de aproximadamente 30 países. Por esse motivo, o ano que está por concluir pode ser considerado como um dos mais produtivos para a nação antilhana quanto a fomentar relações bilaterais cultivadas ao longo de seis décadas de Revolução.