Reflexões de Fidel »

A partida prematura

Foi se nos Sergio. Escutei há pouco tempo pela televisão as notícias sobre a incineração de seu cadáver. Era muito mais novo do que eu. Se tivéssemos uma maior cultura sobre a saúde, talvez não tivesse partido tão cedo. Dele aprendi quando visitava as belas montanhas do centro da Ilha. Admirava os seus princípios. Tenho a certeza que não tinha gostado que suas cinzas repousassem no cemitério da capital.  Tomara que seus familiares ou aqueles que tenham esse direito, decidam colocá-las nalguma floresta do Escambray, onde uma árvore cresça junto a sua memória. Aceitarei qualquer decisão com sincera honestidade.

Fidel Castro Ruz

1º de março de 2008

20h:39

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*