Reflexões de Fidel »

LULA (Terceira Parte)

LULA (Terceira Parte)

Quando aconteceu a desintegração da União Soviética, que foi para nós como se deixasse de sair o sol, a Revolução Cubana recebe um golpe demolidor. Não só se traduziu Numa cessação total dos fornecimentos de combustível, materiais e alimentos; perdemos os mercados e preços atingidos para os nossos produtos no duro acometimento da luta pela soberania, a integração e os princípios. O império e os traidores, plenos de ódio, afiavam os punhais com os que pensavam passar a faca aos revolucionários e recuperar as riquezas do país.

Reflexões de Fidel »

LULA (Segunda Parte)

LULA (Segunda Parte)

Lula me lembrou com calidez a primeira vez que visitou nosso país no ano 1985 para participar de uma reunião convocada por Cuba para analisar o angustiante problema da dívida externa, em que expuseram e debateram os seus critérios os representantes das mais variadas tendências políticas, religiosas, culturais e sociais, preocupados pelo asfixiante drama

Reflexões de Fidel »

LULA (Primeira Parte)

LULA (Primeira Parte)

De forma espontânea decidiu visitar Cuba pela segunda vez como Presidente do Brasil, embora a minha saúde não lhe garantisse um encontro comigo.

Reflexões de Fidel »

O PRESENTE DOS REIS MAGOS

O PRESENTE DOS REIS MAGOS

Os cabogramas anunciaram-no com antecedência. No dia 6 de Janeiro informavam que Bush viajaria para o Oriente Médio logo a seguir de seu cristão descanso de Natal. Visitaria as terras dos muçulmanos, de outra religião e cultura à qual os europeus que viraram cristãos, declararam a guerra, por infiéis, no século XI de nossa era.

Reflexões de Fidel »

Um exemplo de conduta comunista

Um exemplo de conduta comunista

Refiro-me a uma mulher chilena, Elena Pedraza, especialista de alto nível em reabilitação. Há mais de 40 anos fez a sua primeira visita a Cuba. Allende, médico de profissão, ainda não era  Presidente do Chile. A Revolução Cubana não tinha completado 8 anos, mas formava a toda pressa professores, médicos, fisioterapeutas e especialistas em saúde.

Reflexões de Fidel »

O TITÃ DE BRONZE, ANTONIO MACEO

O TITÃ DE BRONZE, ANTONIO MACEO

Estou em dívida com ele. Ontem completou-se mais um outro aniversário
da sua morte física. Existem mais de quarenta versões diferentes do
facto, mas todas coincidem em vários pormenores de grande interesse.

Reflexões de Fidel »

UM POVO SOB O FOGO

UM POVO SOB O FOGO

Venezuela, cujo povo herdou de Bolívar ideias que transcendem a sua época, encara hoje a tirania mundial mil vezes mais poderosa do que a força colonial da Espanha somada à da República recém-nascida dos Estados Unidos, que através de Monroe proclamou o direito à riqueza natural do continente e ao suor dos seus povos.

Reflexões de Fidel »

A FACTURA PETROLEIRA E O DESENVOLVIMENTO

A FACTURA PETROLEIRA E O DESENVOLVIMENTO

Chávez o disse com muita clareza no Riade: a factura de petróleo e gás
dos países em desenvolvimento atinge o milhão de milhões de dólares.
Propôs à OPEP, que esteve a ponto de ser dissolvida antes da chegada ao
poder do governo bolivariano ?que a presidiu e preservou ao longo de 8
anos?, assumir o papel para o qual foi criado o Fundo Monetário
Internacional e nunca cumpriu.

Reflexões de Fidel »

O DIÁLOGO COM CHÁVEZ

O DIÁLOGO COM CHÁVEZ

Em 15 de novembro passado fiz referência à terceira reflexão sobre a Reunião de Cúpula Ibero-americana; diz textualmente “que pelo momento não publico”. Contudo, parece-me mais proveitoso fazê-lo antes do referendo de 2 de dezembro.

Reflexões de Fidel »

EM HONRA DE SERGIO DEL VALLE

EM HONRA DE SERGIO DEL VALLE

Sergio e eu tivemos o privilégio de estar ali no posto de comando
situado à direita da foz do rio Almendares no amanhecer do dia 15 de
Abril, quando bombardeiros B-26 dos Estados Unidos da América, com insígnias cubanas e pilotos
mercenários atacaram as bases aéreas de Ciudad Libertad, San Antonio de
los Baños e o aeroporto civil de Santiago de Cuba, há 46 anos.