Notícias »

Força compatriotas

Baracoa MatheuwsEM Baracoa, o Ministério da Construção, Etecsa, a Organização Básica Elétrica e os Serviços Comunais trabalham para restabelecer o antes possível os serviços básicos, segundo noticiou a jornalista Arelis Alba Cobas, @labaracoesa, através de sua conta na rede social Twitter.

A jornalista assegura que se está garantindo a elaboração de alimentos e seu translado aos centros de evacuação. Contudo, «torna-se necessário a construção de novos locais para a produção de suprimentos, pois colapsaram os existentes. Será montado um gerador para dar serviço ao combinado cárnico e começar a produzir», acrescentou.

Em Baracoa brigadas de eletricitários de Las Tunas, Camagüey e Guantánamo se incorporarão e também de outras províncias.

Em La Farola trabalham brigadas de terraplenagem, uma de Villa Clara e outra de Granma.

Por outro lado, a tuitera assegurou que para desobstruir vias e retirar escombros foram criados cinco fronts simultâneos.

Ainda, afirmou que as autoridades já começaram a demolição das moradias com afetações totais.

Entre outras estruturas afetadas destaca a ponte sobre o rio Toa, da qual somente restam em pé 50 dos 200 metros que tinha, informou a reporter em seu perfil de Twitter.

Através do hashtag Fuerza Baracoa, a tuitera esteve enviando mensagens, minuto a minuto, da Cidade Primada durante a passagem do furacão Matthew, descrevendo os destroços e também os trabalhos de recuperação.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*