Notícias »

Bolívia: destacam contributos de Fidel à emancipação dos povos

Fidel entre nosotrosDiversos oradores destacaram o contributos do líder histórico da Revolução, Fidel Castro, à emancipação dos povos, a luta pela paz e a justiça social, durante um simpósio organizado na capital boliviana por seu 90ª aniversário.

Aproximadamente mil pessoas assistiram ao colóquio ‘El pensamiento de Fidel, un legado histórico para la humanidad’ que se efetuou na noite no Auditório do Banco Central da Bolívia, localizado no centro histórico desta cidade.

A legisladora Valeria Silva afirmou que Fidel Castro e a Revolução Cubana constituem uma inspiração para todos os movimentos progressistas na América Latina, inclusive, no mundo. “Fidel só tinha 26 anos quando atacou o Quartel Moncada, a mesma idade que eu tenho”, lembrou a deputada mais jovem da Bolívia, em declarações a Prensa Latina.

De acordo com Silva, Cuba demonstrou que as revoluções são atos de amor.

Hoje esse país tem exércitos de médicos salvando vidas, exércitos de professores liberando os povos da opressão da ignorância e aqui na Bolívia se atingiram as bandeiras de território livre de analfabetismo graças a Cuba, disse.

A deputada destacou também os contributos da Ilha caribenha à assinatura da paz na Colômbia, com o qual tenta pôr fim ao conflito armado mais antigo do continente.

Outros dos oradores, o general quase aposentado Edwin de la Fuente, se referiu aos princípios do líder histórico da Revolução Cubana, como a ética, coerência e sua luta pela unidade e a justiça social.

Fidel é um líder não só cubano, senão também latino-americano e mundial, disse De la Fuente à agência Prensa Latina

Lembrou como Cuba tem resistido apesar do bloqueio injusto imposto pelos Estados Unidos desde há mais de meio século

Funcionários do governo boliviano, deputados, dirigentes, políticos, médicos cubanos, membros das organizações sociais e representantes do corpo diplomático participaram no evento.

O simpósio faz parte de um programa de atividade que durante 19 dias terá lugar na Bolívia com motivo do 90º aniversário do dirigente revolucionário

(PL)

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*