Notícias »

Díaz-Canel examina andamento do projeto mineiro-metalúrgico Castellanos

Diaz mineros primeiro vice-presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros e membro do Bureau Político do Partido, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, visitou as obras do projeto mineiro metalúrgico Castellanos, no Norte desta província, onde se obterão concentrados de chumbo e zinco destinados à exportação.

Durante a visita, Díaz-Canel interessou-se pela tecnologia que se emprega, a disponibilidade da força de trabalho e os diferentes passos do processo produtivo.

A esse respeito, indicou que se trata de uma obra que resgata a tradição mineira desta região, mediante um empreendimento que teve em conta de uma maneira muito respeitosa o aspecto ambiental.

“O fato de que em uma usina como esta o aspecto econômico, o social e o do meio ambiente estejam bem valorizados é importante. É uma das coisas que queremos que se consiga em todos os empreendimentos”, afirmou.

Destacou, ainda, que não são muitos os empreendimentos deste tipo que se realizam no país no decurso de uma década. Portanto, é preciso vincular as universidades a ele e que os estudantes de carreiras afins, durante suas práticas de produção possam aproveitar esta etapa para aprender e tomar experiências de algo que em outro momento não vai existir.

A execução do projeto Castellanos iniciou-se no terceiro trimestre de 2015, a um custo de 272 milhões de dólares e deverá concluir em junho do ano próximo, com a inauguração de uma moderna usina que processará anualmente um milhão de toneladas de minérios.

Ao concluir o percurso, o primeiro vice-presidente cubano teve um encontro com diretivos da Agricultura no território, no qual se interessou pelo tema da comercialização dos produtos agropecuários.

“É necessário o exame do plantio e dos campos que começam a produzir, para saber os rendimentos, o destino que tiveram. O acompanhamento de tudo isto como um programa, é o que nos vai dar a certeza das medidas que estamos implementando”, acrescentou.

(Granma)

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*