Notícias »

Papa Francisco inicia hoje transcendente visita à Cuba

papafco-cuba-cartelO papa Francisco iniciará hoje uma transcendente visita à Cuba, a terceira de um Sumo Pontífice da Igreja Católica à maior das Antilhas nos últimos 17 anos.

O avião em que viajará o Bispo de Roma tocará o solo cubano às 16:00 hora local deste sábado e o destacado visitante terá uma recepção oficial no aeroporto internacional “José Martí”.

Duas horas depois, a caravana papal seguirá viagem para a sede da Nunciatura Apostólica, situada no bairro de Miramar, e em seu percurso receberá o cumprimento da população.

No domingo pela manhã o Papa se transladará para a emblemática Praça da Revolução, onde oferecerá uma missa, a primeira a desenvolver durante sua estância em Cuba, à qual se espera uma importante assistência de fiéis católicos e do povo em geral.

Uma atividade central no programa do Papa será a visita de cortesia que realizará à tarde ao presidente cubano, Raúl Castro, no Palacio de La Revolución.

Culminada esta, partirá para a Catedral de Havana, lugar onde se reunirá com sacerdotes, religiosos, religiosas e seminaristas.

A apertada agenda incluirá a seguir saudações do Bispo de Roma aos jovens do Centro Cultural “Félix Varela”, situado na parte histórica desta capital, antes de partir para o interior do país.

Na manhã da segunda-feira 21 de setembro, o Chefe do Estado da Cidade do Vaticano viajará à oriental província de Holguín onde oferecerá uma missa na Praça da Revolução “Calixto García”.

Visitas ao Bispado de Holguín e à Loma da Cruz, nessa cidade, completarão suas atividades nessa cidade, de onde partirá seguidamente para Santiago de Cuba.

Depois do recebimento nesse lugar, o Papa se hospedará no antigo Seminário San Basilio Magno, onde desenvolverá um encontro privado com Bispos.

Depois se transladará para a Basílica Menor do Santuário Nacional “Nossa Senhora da Caridade do Cobre” para lhe dedicar uma oração.

No dia seguinte, 22 de setembro, voltará ao lugar para uma Santa Missa na Basílica Menor do mencionado santuário, partindo depois para a catedral santiaguera.

Nesse lugar fará um encontro com um grupo de famílias e pronunciará uma bênção à cidade berço da Revolução cubana, última de suas atividades durante a visita ao país.

Finalmente, depois de uma cerimônia oficial de despedida no aeroporto internacional “Antonio Maceo”, o Papa terminará sua estadia em Cuba.

Uma mostra do interesse acordado por esta visita é a presença na ilha para sua cobertura de mais de mil 300 jornalistas nacionais e estrangeiros.

(Prensa Latina)

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*