Notícias »

Cuba destaca solidariedade e educação em direitos humanos

ninos-felices-cuba-foto-roberto-merinoCuba sublinhou aqui, em 18 de junho, a importância da solidariedade internacional na promoção e proteção dos direitos humanos, em estrita conformidade com os propósitos e princípios da Carta das Nações.

“É uma ferramenta poderosa para responder aos grandes desafios globais nesse campo”, disse Pablo Berti, o representante da Ilha, ao intervir no 29º Período Ordinário das sessões do Conselho dos Direitos Humanos.

No caso da educação, disse que o direito a esse processo é essencial para o futuro das sociedades. Sua privatização traz exclusão e marginalização.

Portanto, disse Berti, Cuba defende o direito de todas as pessoas a uma educação gratuita e de qualidade. “O governo atribui grande importância à plena realização deste direito para todos os cidadãos”, acrescentou.

O diplomata lembrou que um relatório recente da Unesco destacou as conquistas da nação caribenha neste setor, ao qual dedica 13% do seu PIB.

No diálogo interativo sobre os direitos humanos das pessoas deslocadas internamente, Cuba salientou a necessidade de abordar as causas desta situação, particularmente aquelas relacionadas com o desenvolvimento econômico.

O 29º Período Ordinário de Sessões da HRC concluirá no dia 3 de julho, no Palais des Nations, desta cidade.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*