Notícias »

Raul Castro chamou a deixar justificativas e buscar soluções

Rio de Janeiro, 21 jun (Prensa Latina) O presidente de Cuba, Raúl Castro, chamou a deixar as justificativas e egoísmos e buscar soluções, porque desta vez todos, absolutamente todos, pagaremos as consequências da mudança climática.

“Os governos dos países industrializados que actuam desta forma não deveriam cometer o grave erro de achar que poderão sobreviver um pouco mais a nossa costa”, assinalou Raúl Castro ao intervir na sessão da Cúpula da Conferência de Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, hoje em seu segundo dia de sessões plenárias.

Raul advertiu que serão incontenibles as ondas de milhões de pessoas famintas e desesperadas do Sur para o Norte e a rebelião dos povos ante tanta indolencia e injustiça.

Depois de apontar que então nenhum hegemonismo será então possível, Raúl Castro aseverou “cesse o despojo, cesse a guerra, avançemos para o desarmamento e destruamos os arsenais nucleares”.

Ressaltou que estamos urgidos de uma mudança trascendental, e precisou que a única alternativa é construir sociedades mais justas, estabelecer uma ordem internacional mais equitativo, baseado no respeito ao direito de todos.

Ademais, assegurar o desenvolvimento sustentável às nações, especialmente do Sur, e pôr os avanços da ciência e a tecnologia ao serviço da salvação do planeta e da dignidade humana.

“Cuba aspira a que se imponham a sensatez e a inteligência humana sobre a irracionalidade e a barbarie”, sublinhou o presidente cubano.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*