Notícias »

Presidenta brasileira ressalta novo programa contra pobreza extrema

rasília, 14 mai (Prensa Latina) A presidenta Dilma Rousseff assegurou hoje que o plano Brasil Carinhoso é uma das mais importantes ações adotadas pelo Governo no combate à miséria na primeira infância.

Com Brasil Carinhoso, as mães vão poder criar seus filhos com mais tranquilidade e com mais esperança, bem como dar-lhes um futuro melhor, asseverou Rousseff em seu habitual programa de rádio das segundas-feiras Café com a presidenta, no qual comentou esse novo projeto de seu governo para combater a miséria neste país.

O plano, que será apresentado oficialmente esta tarde, já foi anunciado pela mandatária em uma mensagem à nação com motivo do Dia das Mães, transmitido ontem à noite por rádio e televisão.

Destacou que o projeto beneficiará a uns dois milhões de famílias brasileiras que vivem na extrema pobreza com ao menos um filho menor de seis anos de idade, as quais serão favorecidas com ações nas áreas social – com a distribuição de renda-, em educação e em saúde.

Rousseff precisou que no aspecto social, o programa entregará mensalmente 70 reais (uns 35 dólares) por membro da cada núcleo com filho menor de seis anos. Em educação, disse, se garantirá o acesso dessas crianças a jardins infantis, porque o ensino é o grande caminho para retirar as pessoas da pobreza, disse.

Adiantou que esta tarde seu governo vai assinar um acordo com as prefeituras para a construção de mil 500 jardins infantis mais, com o qual serão mais de seis os que se edificarão no país antes de concluir 2014.

Sobre as ações em saúde para as famílias beneficiadas com Brasil Carinhoso, a Presidenta assinalou que ampliarão a prevenção e tratamento que afetam aos menores de seis anos que vivem na miséria, como são a falta de vitamina A e ferro, que provocam anemia.

Assim, prosseguiu, serão distribuídos de maneira gratuita medicamentos contra a asma, outro dos padecimentos mais frequentes e segunda causa de rendimento dessas crianças.

“Meu governo quer mudar o futuro do Brasil. Para isso, temos que olhar com atenção às nossas crianças. Os cuidados com a educação e a saúde de nossos meninos são importantíssimos, porque atacam a desigualdade entre pobres e ricos na raiz do problema: oferecem as mesmas oportunidades de crescimento”, destacou.

 

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*