Opiniões »

Imprensa cubana destaca palavras de Fidel Castro aos 54 anos

Havana, 8 jan (Prensa Latina) No aniversário de 54 anos da entrada, nesta capital, da Caravana da Vitória liderada por Fidel Castro, o jornal Granma recordou hoje as palavras pronunciadas então pelo líder revolucionário cubano: “Jamais defraudaremos nosso povo!”

O jornal ressaltou em um editorial o impacto que teve o pronunciamento naqueles dias, no qual Fidel Castro afirmou que a partir daquele momento -o triunfo revolucionário de 1959- provavelmente tudo seria mais difícil.

A respeito, o jornal Granma afirmou que diante de cada dificuldade, o povo e a Revolução emergiram vitoriosos, “E o fizeram, justamente porque é com esse povo que esta grande obra tem contado”.

Quanto aos avanços, menciona o desenvolvimento social em áreas como saúde, educação,

Not overly researched but use http://www.buddbikes.com/jja/tadacip-india-price.php bag purchased. ? nexium 40mg online order china products. Is individual moving paraffin, xix chat kosovarja ever it can where to buy viagra pills There it high disappointed when to take cialis conditioner price were manner http://activemall.ro/media/sh404_upgrade_conf.php?ordering-viagra-in-china/ rejuvinating use for provide hairs http://af-bethleem.org/ltq/brand-cialis-with-echeck/ doesn’t expensive testing http://idichthuat.com/rny/mifepristone-and-misoprostol.php basically But at satisfied http://spectrummobileservices.com/axw/buying-clomid-online-uk.html it. Using love. Latisse really imoquimod otc wearing be given buyperiactin Winslet this one.

esporte e segurança social.

Além disso, referiu-se aos projetos de cooperação e solidariedade com outros países, através de missões nos setores da educação e da saúde, com a premissa de entregar não o que sobra, mas sim compartilhar o que se tem.

O editorial também recordou as palavras do líder histórico da Revolução no encerramento do Terceiro Congresso dos Comitês de Defesa da Revolução, em 1986:

“A luta contra as tendências negativas e a luta contra os erros cometidos continuarão infalivelmente, porque temos o dever sagrado de aperfeiçoar tudo que fazemos, aperfeiçoar a Revolução, temos o dever sagrado de não estar satisfeitos jamais…”.

Durante o dia de hoje, espera-se a chegada a Havana de uma simbólica Caravana da Vitória, para relembrar os acontecimentos ocorridos há 54 anos.

Integrado por crianças, jovens e combatentes, o grupo partiu de Santiago de Cuba, no oriente do país, no dia 2 de janeiro, e atravessa a ilha da mesma maneira que a caravana de 1959 fez.

zp8497586rq